Inscreva-se!

17 de janeiro de 2016

Vídeo | O Retorno do Cara do Espelho



Se meus olhos fossem as telas de seus computadores ou celulares certamente eles veriam os olhares de reprovação de vocês que acompanharam o Cara do Espelho por tanto tempo. Eu sumi e como sumi!
Mas estou de volta e, para me redimir, trouxe um vídeo  gravado em JUNHO de 2015 e que representa esse novo momento do Cara do Espelho. 



 “Afinal, quem é você? Diogo ou o Cara do Espelho?”

Foi isso que me perguntaram outro dia e, sinceramente, não sei mais dizer. Por muito tempo mantive os dois separados. Na verdade, o Cara não passava de um alter ego usado como via de escape para emoções acumuladas. Mas hoje não há mais fronteiras entre um e outro.

Contudo, o Diogo não é o Cara do Espelho, nem o Cara é o Diogo, embora ambos ainda sejam a mesma pessoa. Duas personalidades. São como metades que andaram em direções diferentes até esbarrar um no outro para finalmente voltar a sentido. 

O reflexo encontrou seu espelho, a luz foi devidamente focada na direção certa. A verdade é que não se pode estar ou ser pela metade, há uma sensação de incompletude paralisante neste processo. “Não há reflexo sem luz”, me disse um colega. O espelho precisava de luz e a luz de reflexo. 

E, para isso, não basta se colocar diante do espelho, é preciso encará-lo, reconhecer-se e mergulhar no próprio reflexo. Refletir por si só. Isso é encontrar a luz, a paz interior. É o que este blog representa, o encontro do Cara com o Espelho.
Conjunção. 

Diogo Souza, o Cara do Espelho

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poesias no Espelho

Postagem em destaque

A grandiosidade de se sentir pequeno | Crônica | Cara do Espelho

Vou me pendurar no lustre, no lustre Vou viver como se não houvesse amanhã (Sia – Chandelier) Você já olhou para o céu numa...